11 de fevereiro de 2016

MINHA HISTÓRIA & MINHA PAIXÃO!


Eu só consigo chorar após ter assistido um vídeo mostrando a reação das pessoas tendo a benção de ouvir pela primeira vez. E eu posso sentir um pouco da felicidade delas!

         Eu nunca tinha chegado a comentar nas redes sociais sobre isso, até então, no dia que postei uma foto minha no hospital com a cabeça enfaixada porque tinha acabado de sair do centro cirúrgico, foi um susto muito grande para as pessoas... Quase ninguém sabia que eu tinha que passar por uma cirurgia no ouvido direito e assim foi feita no dia 11 de novembro de 2015.  

 (HOJE COMPLETANDO 3 MESES)

         Não é de nascença... Foi devido a infecções que tive desde os meus 2 anos de idade que durou até antes de fazer a cirurgia. Eram muitas infecções que me davam no ouvido, eram tantas mais tantas que infelizmente, meu tímpano não apenas deu um perfurado, mas sim nele todo. E sim, minha audição estava cada dia mais diminuindo. Vivia fazendo exames e mais exames. E eu só podia fazer essa cirurgia depois dos meus 12 anos e acabou que só consegui fazer com 16 anos.  Essa cirurgia é chamada de TIMPANOPLASTIA que é um enxerto de tímpano, que foi tirado da minha cabeça, em uma parte um pouco para cima da direção da orelha.

 NO HOSPITAL!

         As pessoas sempre me perguntam como é não escutar direito de um lado só (o meu ouvido esquerdo é 100%, não tem nenhum problema), se me incomoda e por aí vai, e eu quase nunca sei responder porque cresci assim, acostumada, então não sei como é escutar 100% dos dois lados.
         Eu não sou surda, graças a Deus não tinha chegado nesse ponto. Segundo meu cirurgião, existem 4 níveis: o 1 que é o mais fraco e o 4 que é o pior caso. Ele disse que o que eu perdi de audição estava entre os níveis 2-3, então posso calcular que perdi em média de 50% á 75%, se é que posso calcular assim né rs
         Os médicos diziam que minha cirurgia devia ser feita com urgência porque eu estava em alto risco de pegar meningite, e eles diziam que se eu pegasse meningite no meu caso seria morte na certa. E foi exatamente isso que me preocupava em fazer essa cirurgia rápida, porque o medo ás vezes me puxava!
         Segundo os médicos, não é garantido que volte a minha audição... Pode ser que sim, pode ser que não. Mas sabe de uma coisa? Quem sabe da minha vida e quem está no controle dela é Deus, só Ele, e a última resposta vem do alto. 

VISTA DE DENTRO DA SALA DE INTERNAÇÃO!

                Quem me conhece há mais tempo sabe que eu tinha um problema na fala. Eu não tinha força para produzir algumas letras, palavras ou fazer vibratos, e isso já estava me incomodando muito até que um dia resolvi procurar um fonoaudiólogo, porque eu amava cantar e meu problema na fala era um muro para isso. Não, eu não tenho a língua presa, era apenas uma dificuldade na fala mesmo que poderia ser resolvida com algumas terapias, então assim eu fiz, alguns meses de terapia e hoje consigo falar de tudo e com todos sobre tudo, sem medo de errar as palavras, e quando acontece de errar eu paro e repito a palavra da forma correta, assim eu aprendi. Segundo o fonoaudiólogo, essa dificuldade que eu tinha na fala tinha muita ligação com o meu problema auditivo, tudo envolvia o sistema fonador. Em alguns gráficos da minha audiometria ele me mostrou a ligação que os dois tinham, porque em alguns fonemas que eu produzia errado era onde eu não tinha o retorno do que eu estava falando, ou seja, eu falava errado porque eu não escutava direito o que eu estava falando, não entendia, devido o retorno que eu não tinha. Isso é um dos problemas causadores que eu tinha na minha fala, então, com algumas terapias foram voltando ao normal a minha fala. E eu só tenho a agradecer ao Rômulo porque além de ter me ajudado nessa etapa tãããããoooo importante da minha vida, ele se tornou um amigo também. Foram muitas risadas e aprendizados nos meses de terapia, muita música, terapia musical que eu ameeeeeei, bastante exercícios e por aí vai. Eu só tenho a agradecer a Deus por ter colocado alguém tão importante na minha vida capaz de me ajudar exatamente como eu precisava. 

MEU FONOAUDIÓLOGO! (RÔMULO)

E nesses meses de terapia (feita há um ano atrás) eu me apaixonei profundamente pela Fonoaudiologia, e saí daquele consultório decidida que era exatamente aquilo que eu queria para minha vida. Foi algo que me completou e me trouxe uma certeza muito profunda do que eu queria, algo que nenhum outro curso que eu conheci conseguiu chegar perto desse sentimento tão forte. Um ano se passou e eu ainda tenho a certeza do que eu quero. Só eu e Deus sabemos o quanto a Fonoaudiologia mudou a minha vida; meus problemas; minha forma de pensar; aumentou meu autoestima depois que passei pelas terapias e vi que tinha jeito sim para mim e me aproximou dos meus sonhos mais valiosos.
Nesse meu aniversário eu queria comprar um presente para eu mesma, já viu isso? HAHA Então, queria comprar algo que representasse minha vida e meus sentimentos, algo que fosse simbólico para eu nunca esquecer do que me importava tanto na vida, algo que me marcou. Eu queria uma única coisa que representasse isso, e não é que achei?! Esse cordão com o símbolo da Fonoaudiologia. Quero carregar comigo apenas para eu olhar e lembrar do que Deus fez na minha vida (não é idolatria a cordão, comigo não existe isso), é apenas algo simbólico para eu olhar e lembrar do quanto é importante para mim.


Agora vocês entendem melhor o motivo de ter falado no começo do texto que chorei ao assistir um vídeo de pessoas ouvindo pela primeira vez? Entendem o quanto isso mexe comigo?
         Se Deus abençoar esse meu sonho e plano de começar a faculdade de Fonoaudiologia em 2017 vocês também irão acompanhar esse meu trajeto de vida todo! Não estou dizendo que Deus não abençoa os sonhos, pelo contrário, Ele abençoa muito sendo que nós nem merecemos na maioria das vezes, mas digo que se os planos dEle for diferente dos meus, a vontade dEle irá prevalecer sempre na minha vida. Eu confio no amor dEle mais que tudo! 
         Assim como minha audição e minha fala se tornaram minhas barreiras na maioria das vezes e também tenho a certeza que milhares de pessoas também enfrentam isso, e é exatamente por isso que me apaixonei, porque quero ajudar essas pessoas a se superarem e resolverem esses problemas assim como aconteceu comigo!

Espero do fundo do meu coração que tenham gostado de saber um pouquinho sobre a minha história! 
Fiquem com Deus e beijinhos   = )

2 comentários:

  1. Linda história Mari....
    Que deus te ABENÇOE NESSA SUA JORNADA....
    E Tenha fé que Deus está contigo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Amém Cris, muito obrigada!
      Fica com Deus, beijinhos! :D

      Excluir

© Mariane Coelho - 2014. Todos os direitos reservados.
Criado por: Tatiana Freitas.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo